Como saber se o seu Android tem o vírus e como eliminá-los

Normalmente, o sistema operacional Android é algo seguro, mas consideram que a ameaça está sempre presente, e que os smartphones estão sempre conectados com o mundo exterior, é normal que alguns aparelhos possam ser infectados com o vírus cibernéticos.

Como saber se o seu Android tem o vírus e como eliminá-los

A principal vantagem em obter um dispositivo Android é que ele pode proporcionar acesso a vários serviços virtuais, contudo, também é a porta pela qual entra o perigo, sendo assim, sempre é bom ficar atento a este risco e aprender como evitar ou eliminar este problema.

Nenhum sistema operacional está livre de vírus, embora isso não significa que eles não podem ser seguros. A maioria dos vírus e malware acontece como uma tentativa de explorar erros de versões mais antigas do software no seu dispositivo Android, fazendo a instalação quando você menos espera.

Mesmo os dispositivos da Apple estão livres do perigo, por muito que experimente para acreditar.

O detalhe com estes dispositivos é que os criminosos estão apenas começando a desenvolver malwares que conseguem infectar estes smartphones há alguns anos atrás, quando eles não eram tão populares, ninguém se preocupava em fazer isso, mas agora eles não são inteiramente seguros.

O sistema operacional Android dominou 80% do mercado de smartphones vendidos no mundo há muito tempo, foi o principal alvo dos ataques a segurança.

O Google mostra manchas mensalmente que cobrem cada vez mais fabricantes, mas a elevada fragmentação ainda é um grande problema.

A primeira medida para prevenir a infecção do seu dispositivo Android é manter atualizado tanto o software quanto os aplicativos, assim nenhum vírus ou malware poderá se aproveitar dos erros antigos. Isso se aplica a qualquer software do dispositivo em funcionamento, seja ele um smartphone, um computador, um tablet, etc.

Como saber se o seu Android está infectado

Os sintomas podem variar amplamente. Na verdade, se for um vírus bom, provavelmente você não conseguirá perceber que ele está lá.

A maioria dos malwares podem ser encontrados ao tentar abrir alguns anúncios e seu aparelho pode ser infectado por este meio. Normalmente, você vê anúncios e não tem ideia de onde ele veio.

Existem 4 sinais muito claros de uma infecção ou a presença de malware que não pode controlar:

Propaganda indesejada: Estas propagandas em alguns aplicativos são normais, mas você deve ter cuidado porque alguns malwares tiram proveito disso.

Redirecionamento: Se você visitar uma página e não entrar no site pode esperar que o dispositivo está infectado. Às vezes é a página que está infectada e usa suas visitas para redirecioná-las para outro lugar.

O uso excessivo da internet: Se de repente você ficar desconfiado sobre a quantidade de dados que você está baixando na Internet, você deve ficar em alerta.

Consumo excessivo da bateria: Se a bateria acaba rapidamente com o uso de determinado aplicativo, você pode estar fazendo coisas que não devem.

Como se livrar de um vírus ou malware em seu Android

Primeiro de tudo, evitar: Como é bem conhecido, a melhor maneira é a preveção. O fundamental é ter todo o software atualizado e remover aplicativos que você não pretende usar.

Use o bom senso: Você deve ter muito cuidado ao navegar na internet, provavelmente já recebeu uma mensagem de uma página estranha durante a navegação, as chances são de que foi uma tentativa de invasão de algum malware.

Nem sempre se trata de uma página rara, algumas vezes pode parecer algo normal como o site de um jornal, o mesmo pode ter sido infectado e parece ser totalmente estendido para os leitores. Portanto, muito cuidado com alguns avisos.

Você também deve ter cuidado quando você se conectar a redes públicas ou um Wi-Fi aberto.

Ter algum antivírus: O mais comum é que você esteja infectado com um vírus comum e a solução é mais fácil do que você pensa. Neste caso, a melhor opção é ter um bom antivírus. A maioria deles vai detectar o vírus ou malware e pode bloquear ou remover e, assim, eles não poderão causar danos.

Faça um backup e restaure as configurações de fábrica: Se você não pode remover o malware, você sempre pode cortar pela raiz, apenas certifique-se de fazer backup dos seus dados e, em seguida, restaurar as configurações de fábrica para ter o software limpo novamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.